A mesma artista, outra história.

Já falamos sobre a Tarsila do Amaral aqui. Hoje falaremos novamente, por outro viés e por uma boa causa que vocês verão ao final deste post.
Tarsila foi importante artista do movimento modernista no Brasil. Com Anita Malfatti e pelos escritores Mário de Andrade, Oswald de Andrade e Menotti Del Picchia formava o grupo dos cinco.
Ela passou a infância na fazenda, depois estudou na Europa, teve contato com vários artistas importantes enfim, passou por vários momentos diferentes na sua trajetória. Mas dois em especial merecem ser lembrados por nós.
A primeira é na fase de sua obra chamada Pau- Brasil, quando em um passeio por Minas Gerais, redescobriu as cores de sua infância, e estas se tornaram marca de sua obra. Esta fase tinha como princípio a valorização dos elementos nativos. Quadros desta fase são ‘Carnaval em Madureira’, ‘Morro da Favela’, ‘EFCB’, ‘O Mamoeiro’, ‘São Paulo’, ‘O Pescador’, dentre outros.
A segunda foi na fase chamada de antropofágica, quando Tarsila presentiou Oswald de Andrade, seu então marido na época, com o quadro Abaporu,. Ele serviu de inspiração para o movimento antropofágico, fundado por Oswald na época. O movimento antropofágico tinha como princípio a absorção da cultura européia sem perder a identidade brasileira. Quadros desta fase são ‘Sol Poente’, ‘A Lua’, ‘Cartão Postal’, ‘O Lago’, ‘Antropofagia’, etc.
O motivo para estar falando de Tarsila novamente além da importância dela na História da Arte Brasileira é que  está acontecendo o I Encontro Sesc de Artes Visuais  e até  o dia 31 de maio estarão expostas algumas de suas obras no SESC da esquina, rua Visconde do Rio Branco, 969. Além disso no dia 26 de abril, ou seja, semana que vem no mesmo local ás 10h, haverá uma palestra com Tarsilinha do Amaral, sua sobrinha- neta, sobre vida e obra de Tarsila do Amaral. Imperdível!!!

Abaixo algumas de suas obras: ( para saber mais sobre cada uma delas clique na obra e depois na palavra permalink)

Aproveitem e conheçam as obras de Nelson Screnci . Ele é um artista contemporâneo que se apropria de algumas  obras da Tarsila como de outros  artistas e  faz releituras bem interessantes,
até a próxima.

Referências:
http://www.itaucultural.org.br
http://www.tarsiladoamaral.com.br/
Bardi, P.M.; História da Arte Brasileira

Anúncios

Sobre artebrasileirautfpr

Um endereço para aproximar, experimentar e [re]conhecer a arte brasileira.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s